Seja bem-vindo(a)! Espero que goste do meu blog.

Quem é você?


Sem piadinhas, sem indiretas. Falando agora com seriedade...
Quanto que seus princípios valem pra você? Suas opiniões? Suas ideologias, ideias, convicções? Eles são quem você é? Quanto que você se esforça para ser quem você é?
É preciso resistência, e, se for pra cair, eu caio lutando. Eu luto até o último segundo. Eu dou meu sangue numa causa que acredito. Posso me arrepender depois, posso me arrepender de tanta agressividade e inflexibilidade? Posso até pensar que eu fui injusta, e realmente cogitar o que o outro lado tentava dizer?
É claro, eu sou humana.
Mas eu penso o seguinte...
Os meus princípios, as minhas opiniões, minhas ideologias, ideias e convicções são quem eu sou, e, para mim, eles valem mais que alguém ofendido por alguns minutos.
Se tem uma traição considerada a pior de todas, uma que nunca vai embora e vai te assombrar nos seus momentos mais sombrios, aquela que te leva a falar "po, eu devia ter falado/feito aquilo..." é aquela onde você trai a si mesmo. Essa, meu amigo, não vai embora nunca.